Miguel Tiago, dá-me a tua morada

Quero o teu apartamento ou casa.
Quero o teu carro.
Quero a tua bicicleta.
Quero aquilo que usas para aceder e postar no Facebook.
Quero o teu emprego.
Quero o teu salário.
Quero os teus direitos e regalias.
Quero decidir o que ensinas aos teus filhos.
Quero verificar que vives como queres que os outros vivam.
Quero ter a certeza que provas o teu veneno.
Quero salvar-te da tua estupidez.